outubro-rosa-autoexame

Outubro é um mês respeitável no quesito de disseminação de informação para prevenção e combate ao câncer de mama. E para ajudar nessa campanha, aqui estão algumas dicas sobre o autoexame.

Todas as mulheres são especiais, mas uma é muito importante: Você!

O organismo humano é uma máquina complexa e delicada, que trabalha o tempo todo, 24 horas por dia e 7 dias por semana.

Temos que ficar atentos às reações e aos limites do nosso corpo, cuidar dele sempre!

O câncer de mama é o mais frequente entre as mulheres. Quase todos nós conhecemos alguém, seja alguém da família, amiga ou conhecida que já enfrentou a doença.

E você sabia que é muito mais fácil de enfrentá-lo quando ele é descoberto no começo? Pois é, por isso que o autoexame é tão importante e a mamografia é recomendada para todas as mulheres com mais de 40 anos de idade.

Como Fazer o Autoexame

autoexame

É recomendado fazer o autoexame uma vez por mês, geralmente alguns dias após a menstruação. Determine um dia específico para que ele seja feito e repita-o todos os meses.

Os principais sinais que você deve observar são:

1 – A presença de nódulos nas mamas.

Apalpe cuidadosamente as suas mamas e identifique se há presença de nódulos que se diferenciem do tecido mamário.  A mama é formada por glândula mamária e gordura, e são apenas esses componentes que você deve identificar com o autoexame.

2 – Alterações na pele, vermelhidão, escurecimento e retração, mudança na textura.

Diante de um espelho, observe com cuidado a pele das suas mamas, todos os meses, ela deve permanecer sempre igual, a mudança de aspecto da pele pode indicar problemas.

3- Saída de secreção na papila das mamas

Se você não estiver grávida e não estiver amamentando, não deve apresentar secreção nas mamas.

4- Alteração de volume ou assimetria

Inchaços, ou surgimento de irregularidade no volume das mamas também devem ser pontos de atenção.

5 – Inversão dos mamilos

Identifique se o seu mamilo se mantém na mesma altura e com a mesma simetria com o passar dos meses.

6- Ardência, coceira ou desconforto

Se você sofrer algum trauma, ou estiver no período pré-menstrual, pode apresentar algum desses sintomas. Mas se você sentir qualquer um deles, sem motivo, investigue.

dores

7 – Nódulos nas axilas

Os linfonodos fazem parte do sistema de defesa do organismo, e incham com qualquer alteração, no caso de resfriados ou cortes, depois que o organismo se recupera, os linfonodos desincham. Caso eles estejam inchados sem causa aparente, ou permaneçam inchados mesmo sem nenhum outro sinal do organismo, é importante investigar.

8- Surgimento de veia facilmente observável e crescente

Algumas mulheres são branquinhas e as veias aparecem com mais facilidade, você pode ter uma ou outra veia visível sem ser indicativo de alguma doença, mas é importante monitorar as veias, verificar se elas aumentam de tamanho.

Esses são alguns dos sintomas que podem aparecer para as mulheres que enfrentam a doença, mas isso não quer dizer que se você apresenta algum desses sinais você está com câncer de mama. Apenas com um exame profissional será possível diagnosticar o câncer de mama.

O autoexame é fundamental porque quanto mais você conhecer suas mamas, mais rapidamente você notará qualquer mudança e mais cedo poderá se cuidar.

Acompanhe-nos no Facebook e veja todos os nossos posts relacionados ao Outubro Rosa!